segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

E quando nos precipitamos ?

Infelizmente algumas pessoas tem o grande poder de se precipítar em certas situações da vida. A precipitação muitas vezes nos deixam cegos, fazendo a gente acreditar que tal decisão que tomamos é a melhor para nossa vida. Para um bom entendedor a precipitação nada mais é que se empolgar demais e fazer algo sem pensar 2x antes de agir, é simplesmente fazer algo por impulso.

Atualmente, ando passando por uma situação que eu na verdade ainda não sei como sair, entrei nessa situação porque não pensei muito antes. O pior de tudo é quando você pede orientação pra alguém um diz uma coisa e outro diz outra coisa, a sua mente fica como se fosse uma guerra.

E quando nos precipitamos o que fazer? Acho que a melhor forma é você tirar um tempo somente para você, pensar, repensar e repensar novamente sobre o que você fez e chegar a uma conclusão sobre o que você fará para sair de tal situação.


Obs: Amados, eu dei uma sumidinha né? Pois é, ainda estou sem o meu notebook, e também estava viajando cheguei tem poucos dias. Primeiramente desejo a todos aos meus leitores um abençoado 2012, sei que tô atrasada pra desejar um feliz ano novo rsrs. Agradeço muito pelas visitas, pelas criticas, elogios, tudo o que vocês fazem aqui neste blog eu procuro refletir e entender a opinião de todos. Sinceramente a opnião de cada um é muito importante para mim, pois me ajuda a crescer pessoalmente e profissionalmente. Agradeço muito o carinho de cada um que vem me seguindo desde o começo do blog e aos novatos que entraram em 2011, agradeço muito mesmo e desejo muitas conquistas em todas as áreas da da vida de todos.

2 comentários:

Felisberto Junior disse...

Olá! Boa noite!
Direto do "blogosfera no FB" para cá!
Penso que:
A paciência é a chave da alegria; a precipitação, a do arrependimento. Muitas vezes, com calma se consegue tudo!
Boa semana!
Bye!

raylsonbruno disse...

Uma vez ou outra, é altamente recomendado que nos precipitemos, agir sempre de caso pensado é chato. Os impulsos nos fazem quebrar a rotina mas as vezes também nos colocam em situações difíceis. Acho que cada caso é único, não há uma solução geral nem uma regra básica. Aproveite a vida e faça planos, mas também deixe o impulso comandar de vez em quando e quando a consequência vier, aceite-a. Chico Buarque disse, aja duas vezes antes de pensar, eu digo: As vezes apenas aja, as vezes pense para agir e as vezes apenas pense.